Peeling

É uma técnica estética e dermatológica que tem  por objetivo a renovação das camadas da pele por meio de abrasão ou cauterização química ou física.

A palavra “peeling” vem do verbo em inglês “to peel”, que significa descascar, esfoliar. É uma técnica estética e dermatológica que tem por objetivo a renovação das camadas da pele por meio de abrasão ou cauterização química ou física. Consiste em uma técnica contra várias disfunções , tais como:
sardas (efélides), manchas de sol (melanoses solares), melasma/cloasma, hipercromia pós-inflamatória, acne, oleosidade excessiva, asperezas de pele (hiperqueratinização), pequenas atrofias (cicatrizes pontuais atróficas pós-acne), estrias e rugas estáticas suaves (linhas finas), dentre outras.

Nos peelings químicos utiliza-se ácidos por via tópica (geralmente alfahidroxi-ácidos [AHA], betahidroxi-ácidos [BHA] e/ou retinóides). Provavelmente é o tipo mais utilizado.

Nos peelings enzimáticos ou fotoativados (uma subclasse dos peelings químicos), utiliza-se fitocompostos que são ativados por determinados espectros da luz (comprimentos de onda específicos).

Dentre os peelings físicos, por sua vez, existem os criopeelings (ou peeling por frio), os peelings mecânicos (grânulos esfoliantes, peeling de cristal e de diamante) e os peelings por laser ablativos ou ablativos fracionados.

 

favicon guilhermeO peeling “muito superficial” consiste apenas na esfoliação dos queratinócitos da camada córnea (corneócitos) e atinge profundidade de 0,06mm.

favicon guilhermeOs peelings ditos “superficiais” ainda são epidérmicos, mas provocam esfoliação epidérmica da camada granulosa até a basal (0,45mm).

favicon guilhermeOs peelings “médios”, ainda permitidos ao biomédico, atingem o tecido conjuntivo frouxo da derme papilar (0,6mm) mas têm caído em desuso devido aos riscos e desconforto durante a recuperação.

favicon guilhermeOs “profundos” atingem a derme reticular média (0,8mm) e não são permitidos aos biomédicos.

favicon guilhermeQuanto mais profundos, mais aparentes serão os resultados e maior serão os riscos (de cicatrizes, discromias [diferenças no tom de pele] ou infecções).

favicon guilhermeO critério de escolha de qual tipo utilizar é do profissional, que se baseará nas informações colhidas durante a consulta.

 

Leia mais sobre sardas aqui

Leia mais sobre manchas de sol aqui

Leia mais sobre melasma/cloasma aqui

Leia mais sobre acne aqui

Leia mais sobre cicatrizes aqui

Leia mais sobre estrias aqui