– Tratamento para Estrias

Embora diga-se que as estrias não têm cura, é impressionante a significativa melhora na aparência das mesmas que podemos obter ao conjugar técnicas Biomédicas, tanto para as estrias vermelhas (recentes) – mais responsivas ao tratamento – , como para as teimosinhas estrias antigas, nacaradas ou brancas – menos responsivas – .

Dentre esses tratamentos, podemos lançar mão de técnicas isoladas ou da associação das mesmas (o que sempre gera resultados bem mais otimizados), tais como os procedimentos de: Carboxiterapia, Lasers fracionados ou microagulhamento com fatores de crescimento, intradermoterapia específica para estrias, peelings e produtos complementares de uso em casa (homecare).

 

favicon guilhermeVocê sabia que além dos fatores já tradicionalmente conhecidos pela mulherada, vários outros fatores (e até medicamentos) também podem causar estrias?

Sabia ainda que as estrias podem ser classificadas como um tipo de cicatriz linear atrófica?

 

Quer dominar o assunto? Se eu fosse você, daria uma olhadinha na nossa seção de estrias, clicando aqui.

Aproveite o ânimo e dê uma lidinha também na explicação sobre cicatrizes, clicando aqui.